Agende uma visita Fone: (61) 3202-0510

CF-e

Tire suas dúvidas sobre a NFC-e 

  • O que é o Cupom Fiscal Eletrônico/ NFC-e?

danfe

O NFC-e é o documento fiscal eletrônico que se dá mediante a venda para consumidores finais (pessoas físicas ou empresas não contribuintes).

O NFC-e foi criado com intuito de substituir o antigo cupom fiscal e o ECF (emissor de cupom fiscal), tendo em vista que para impressão do mesmo era necessária máquina autorizada pela Receita Federal.

Tal máquina (impressora fiscal), tem custo de manutenção e aquisição muito alto, algo desnecessário com o NFCe. Já, uma impressora para NFC-e (impressora térmica não fiscal), custa de R$ 450,00 a R$ 800,00.

  • Quais são os benefícios para os estabelecimentos comerciais?
    Não necessita comprar o ECF (Emissor de Cupom Fiscal Eletrônico);

    Custo operacional da loja diminui;

    Aumenta de número de caixas comprando equipamentos simples;

    Não existe leitura Z, permitindo fechamento e abertura de caixa a qualquer momento;

    Possibilidade de venda móvel;

    Desburocratização;

  • Quais as vantagens para o consumidor?
    • Verificar em tempo real a validade da compra que fez;
    • Comodidade, agilidade, segurança antes e depois do ato da compra;
    • Atendimento mais ágil e flexível;

       

  • A partir de quando eu preciso usar a NFC-e no DF e entorno?
    • A portaria 234/2014 d SEFAZ/DF determinou o cronograma de obrigatoriedade para a emissão:

A  Portaria SEF N°234 de 23/10/2014 :

  • A partir de 1º de janeiro de 2016 – Para os contribuintes em início de atividades ou de apuração normal.
  • A partir de 1º de julho de 2016 – Contribuintes optantes pelo Smples Nacional com faturamento anual superior a R$1.800.000.
  • A partir de 1º de janeiro de 2017 – Contribuintes optantes pelo Simples Nacional com faturamento superior a R$360.000.
  • A partir de 1º de julho 2017 – Demais contribuintes não enquadrados nas demais datas.

O Estado de Goiás também já iniciou suas mudanças veja abaixo.

Caso você queira realizar emissão de NFC-e no Estado de Goiás, você deverá realizar seu credenciamento pelo site da SEFAZ/GO www.sefaz.go.gov.br, acessando o banner da Nota Fiscal Eletrônica. A SEFAZ disponibilizou um call center especializado para tirar dúvidas dos interessados. Para entrar em contato com o call center, ligue para o telefone 0800 940 5505.

03/07/2015  Liberado ambiente de homologação.
14/06/2016  Liberação do ambiente de produção para cadastro voluntário.
01/01/2017  Contribuintes cuja atividade econômica seja enquadrada no código 4731-8/00 da CNAE: comércio  varejista de combustíveis para veículos automotores;
Contribuintes cuja atividade econômica seja enquadrada no código 4732-6/00 da CNAE: comércio  varejista de lubrificantes;
Contribuintes inscritos no Cadastro de Contribuintes do Estado a partir de 1º de janeiro de 2017;
01/07/2017  Para os demais contribuintes, exceto os optantes do Simples Nacional;
01/01/2018  Para contribuintes optantes do Simples nacional

 

  • O que eu preciso então para me enquadrar nessas mudanças?
    • É simples veja abaixo:
      • Verifique se sua faixa de faturamento já exige a emissão de cupons fiscais (caso não atinja, você ainda pode realizar as emissões por opção própria);
      • Se você já está obrigado a realizar a emissão, ou está abrindo um empreendimento novo, você deve se preparar para emitir os NFC-e;
      • Entre em contato com seu contador e solicite ao mesmo a emissão de certificado A1 para sua empresa;
      • Busque um software ou sistema de gestão que já realize a emissão desses Cupons Fiscais Eletrônicos (NFC-e) e comece a realizar suas vendas nessa nova modalidade. Caso tenha interesse, conheça nossa solução;

Saiba mais sobre a NFCe/NFe  Clique Aqui